windows-10-upgrade-2

O que você precisa, ou quer, saber sobre o upgrade para Windows 10

windows-10-upgrade-1

É verdade que o Windows 10 é upgrade gratuito, até para quem tem Windows pirata?

Sim, e não. Se você tem um sistema rodando Windows 7 ou Windows 8, que esteja devidamente licenciado, você tem sim, direito ao upgrade gratuito para o Windows 10. Este upgrade deve ser feito em um período de até 18 meses a contar da data de lançamento que é 29/07/2015, entretanto, depois de feito o upgrade, você poderá utilizá-lo, e tê-lo atualizado pelo tempo que quiser. Não há data de expiração.

Quando aos piratas, bem… dizem que é possível fazer o upgrade, já vi gente ‘reclamando’ que não, mas o sistema será barrado no Windows Update, e como os ciclos de atualização do sistema devem ser mais curtos agora, fica a sugestão: compre um licença!

 

Como saber se meu computador suporta o Windows 10?

Esta é bem fácil, se você está rodando Windows 7 SP1 ou 8.1 (S14), procure o ícone do “Get Windows 10” app na bandeja do sistema, ele aparece como um pequeno símbolo de janela, adotado pelo Windows 8. Clique nele e reserve sua cópia do Windows 10, e ele fará a verificação para descobrir se seu computador é compatível.

De forma simplificada, você precisa 1Gb de RAM para a versão 32 bits (o ideal são 2Gb), e 2Gb de RAM para a versão 64 bits (o ideal são 4Gb).

“Ahhhh, mas não está aparecendo o ícone para mim”, neste caso, você precisa atualizar seu Windows. Abra o Windows Update, e marque TODAS as atualizações disponíveis com duas exceções: (1) não marque as atualizações de idioma; (2) caso você use antivírus, não marque o Windows Defender. Depois que todas as atualizações tiverem sido feitas, você verá o ícone.

 

Ok, deu certo, mas ele quer que eu espere, tem como eu instalar logo?

Sim, tem. Vá até esta página, no site da Microsoft e baixe o instalador correspondente ao seu sistema. Se você não sabe qual é, vá até o Painel de Controle do seu Windows atual, escolha sistema e procure por qualquer indicação de ’32-bit’ ou ’64-bit’, se seu computador for mais antigo, é provável que ainda seja 32 bits, se for mais novo, 64 bits. Daí é só baixar a versão correspondente, executar e escolher a opção “Atualize este computador agora”.

O aplicativo baixará cerca de 3Gb do site da Microsoft e fará a atualização.

Aproveitando, se você tiver mais de um PC em casa, este mesmo aplicativo, permite que você crie um pen-drive ou DVD de instalação, o que evitará o múltiplos downloads.

 

Porque a atualização é gratuita? Qual a pegadinha?

Não há pegadinha, a Microsoft quer combater a fragmentação. Hoje, os 1,6 bilhões de usuários de Windows estão divididos entre Windows XP, Vista, Windows 7, Windows 8, 8.1 e Windows Phone. Quanto mais usuários migrarem para o novo sistema, maior será o mercado para a compra de aplicativos na loja interna do Windows. Além disso, a empresa está unificando todo seu ecossistema, e aplicativos desenvolvidos para desktops Windows 10, também funcionarão em smartphones e tablets que rodem o sistema operacional.

windows-10-upgrade-2

Minha conexão é lenta, baixar 3Gb demora muito tempo!

Bem, neste caso, você precisará aguardar um pouco, até que a Microsoft comece a vender mídias físicas nas lojas.

 

Eu tinha um Vista, e comprei o upgrade para Windows 8, posso fazer o upgrade gratuito para o 10?

Não importa como você chegou ao Windows 7 SP1, ou ao Windows 8.1, se você está usando um destes sistemas operacionais sem ter recorrido à pirataria, você tem direito ao upgrade gratuito (exceção feita a quem usa versões RTM, ou seja, grandes empresas).

 

Se o Windows anterior era 8, porque este agora é 10?

Não existe explicação oficial, mas a teoria mais aceita é a de que programadores mais descuidados diferenciavam a versão do Windows, para verificar a compatibilidade, no começo dos anos 2000 usando “Win 9” para identificar Windows 95, 98 e 98ME. Se alguém tentasse instalar um aplicativo caduco, fazendo a verificação para “Win 9”, em um Windows 9, receberia um falso positivo, e poderia causar um estrago no sistema. Por isso foi do 8 para o 10…

Slingbox-01

Slingbox – Leve sua TV a Cabo para todo lugar!

Slingbox, sua TV em qualquer lugar

Certamente você já sabe que alguns celulares e tablets têm acesso à TV Digital (aberta), e muito provavelmente também sabe que com sintonizadores USB, é capaz de vê-las até mesmo no seu notebook…

Mas você sabia que pode ver TV a Cabo em seu notebook, tablet ou smartphone?

Pois é, pode sim, graças ao Slingbox.

O aparelho funciona com uma simplicidade incrível. Você o conecta ao sintonizador de sua TV por assinatura, faz as configurações devidas, e em seguida o conecta ao seu roteador de internet. Ele capturará imagem e vídeo do sintonizador, compactará e transmitirá pela internet, onde você poderá ver através de aplicativos para notebooks, tablets, smartphones ou players de mídia.

Slingbox, sua TV em qualquer lugar

Quer ver TV a Cabo em um local de sua casa que não tenha sintonizador, através da rede local, o Slingbox resolve. Quer acompanhar aquele jogão de futebol que só vai ser transmitido em canais por assinatura, mas justo quando você vai estar viajando, em outra cidade? Não tem problema, conecte-se à sua conta e seja feliz.

Mas como ele funciona? Você conecta-se ao aparelho através de um aplicativo, que fará com que o aparelho comece a capturar áudio e vídeo, compactar e transmitir para onde você estiver. A qualidade vai depender da velocidade de conexão à internet, por exemplo, para uma transmissão em HD (720p) são necessários 2mbps de conexão, o aparelho que temos, o Slingbox 350, é capaz de transmitir até em Full HD (1080p).

Estamos esperando sua visita!

chromecast4

Google Chromecast: deixe sua TV ‘Esperta’

chromecast4

Se você pedir uma definição curta para o Google Chromecast, eu diria que acima de tudo, ele é um aparelho anti-obsolescência.

Quem comprou televisores há mais de quatro ou cinco anos, muito provavelmente os comprou ainda em sua fase ‘pura’, quando eram apenas uma interface de áudio e vídeo, ou o fez nos primórdios das TV híbridas, também conhecidas como ‘Smart TVs’, que traziam poucos aplicativos, e geralmente não eram muito bons.

Mas como estamos falando de bens de consumo duráveis, muitos, mesmo querendo ter novas funções em seus aparelhos, resistem, com razão, em trocá-los quando muitas veze nem mesmo chegaram à metade de sua vida útil.

Para a maioria dos que se encontram nesta situação, o Google Chromecast é a opção economicamente mais eficiente do mercado.

O Google Chromecast é um ‘dongle HDMI’, gadget que parece um ‘thumb drive’ mas feito para ser ‘espetado’ na porta HDMI de seu televisor, e depois de configurá-lo para usar sua rede WiFi, é só usar seu computador, tablet ou smartphone (Android ou iOS), para controlar o aparelho e ‘jogar’ conteúdo para sua televisão.

Chromecast

AR Drone 2.0

AR Drone 2.0, para voar por aí…

AR Drone 2.0

Imagine-se na cabine de um avião, ou de um helicóptero, vendo a paisagem ao seu redor, e com toda a liberdade de movimentos que só um piloto pode ter MAS, com a vantagem de ter um sofisticado sistema de auxilio de pilotagem que lhe impedirá de fazer quase qualquer coisa que resulte em desastre.

É mais ou menos assim que você pilota um Drone.

Vejamos o AR Drone 2.0, por exemplo.

Controlado por seu smartphone ou tablet, o AR Drone 2.0 tem uma câmera HD (720p), que, ao mesmo tempo em que é capaz de armazenar vídeo em uma unidade USB, também transmite para o controle uma imagem em tempo real do que está em frente à câmera.

AR Drone 2.0

Até bem pouco tempo atrás, se você quisesse fazer isto, precisa de um helicóptero R/C, um sistema caríssimo filmagem com estabilização de imagens, já que o helicóptero é extremamente nervoso, um rádio controle que custa alguns milhares de reais, e finalmente anos de prática.

Com os drones, especialmente o AR Drone 2.0, a coisa é bem mais simples. Até mesmo aprender a pilotar é algo que você poderá fazer sozinho, porque ele vem com um sistema de pilotagem assistido chamado “Controle Absoluto” que te guiará no processo, e ainda corrigirá eventuais erros.

O sistema é tão avançado, que até automatiza as fases mais complicadas do vôo, que são justamente a decolagem e aterrisagem. Mas não fica só nisso, quando você estiver fera, pode utilizar recursos mais avançados como o AR.FreeFlight que permite até a realização de piruetas com o aparelho!

Enfim, seja paga gravar vídeos bacana, seja para brincar de piloto espacial, o AR Drone 2.0 é uma ótima pedida, e nós os temos para pronta entrega (maio/2015) !

Vem comprar o seu 🙂