O que já sabemos sobre o PlayStation 5. E o preço?

Nos últimos meses o mundo parou para acompanhar o anúncio da Sony sobre seu novíssimo PlayStation 5. Foi um evento com muito foco técnico, onde os engenheiros e responsáveis fizeram de tudo para reafirmar o compromisso sobre o hardware. Tudo isso em meio a uma crise global que pode mudar os rumos de seu mercado.

A aposta foi grande e as opiniões, divididas. Mais do que os lançamentos de títulos e ficha técnica, os gamers do Brasil estão especialmente preocupados com o preço do Playstation 5, e não é sem razão.

Uma breve introdução da ficha técnica do PS5

O novo console PS5 foi produzido com o compromisso de reparar as falhas cometidas no console anterior, o Playstation 4, em relação a esse quesito. 

A Microsoft, concorrente ferrenha da Sony, já se adiantou com seu lançamento, o Xbox Series X, que desapontou muitos no design, mas apresentou números bastante competitivos em respeito à performance.

Já o PS5 chegou com um design completamente repaginado, investido no branco, no preto e no azul, com linhas mais arrojadas e até uma posição nova para o console, em pé.

A Sony tentou endereçar algumas das principais reclamações clássicas de seus hardwares: a temperatura, o processamento, o áudio, o armazenamento e a compatibilidade. Maioria é unânime em condenar esses aspectos no console anterior, que mesmo com tudo isso, fez muito sucesso.

O PS5 chega com uma CPU de 8 núcleos com 3,5 Gigahertz de clocking, número que dá uma performance média inferior em números de Ghz e Unidades Computacionais (CUs) em relação ao concorrente.

Mas o engenheiro-chefe, Mark Cerry, insistiu reiteradamente que os parâmetros para medir performance e qualidade são muito mais amplos, e possui outros fatores para incrementar a experiência completa.

Já sua GPU conta com com 36 Unidades computacionais que, nos temidos TeraFlops, atingiu 10,28TFs. Como tradição, sua placa foi produzida pela AMD, assim como seus hardwares em geral, que causaram um certo aborrecimento em relação à memória e sua extensão.

Falando em memória, o PS5 trouxe 825GBs, o que também aborreceu muitos, mas o implemento do SSD sem dúvidas é a maior jogada da Sony, que demonstrou uma performance superior entre as telas de carregamento e o processamento geral. Os 16GBs de RAM também dobram a aposta para os futuros títulos em relação ao console anterior.

A Sony fala de 8Ks de processamento de vídeo e aposta na base média dos 60 fps, se adiantando para os títulos futuros.

Outro aspecto promissor são as técnicas de processamento mais responsivo dos quadros, especialmente em relação ao chamado Ray Tracing, que até então, só era produzido em cenas pré-renderizadas, a engenharia para atingir esse patamar é outro dos principais garotos propaganda do console.

Outra promessa da Sony foi um chip dedicado de áudio 3D, que seja capaz de processar até nas saídas mais básicas uma experiência imersiva e verdadeiramente multidimensional, o chamado Tempest Engine.

Por último (e extremamente apelativo à tribo da Sony), a retrocompatibilidade, que foi negligenciada no PS4 e magoou muitos fãs. Os desenvolvedores prometeram o acesso ao catálogo do PS4, o que ajuda a manter a comunidade de modos online muito populares de títulos como CoD, Fortnite e MMORPGs de nova geração.

Os acessórios

Além de caprichar no design, a Sony criou periféricos à altura também, com um apelo estético muito grande, sabendo se comunicar com os anseios da comunidade.

O console possui câmeras embutidas com 1080p de capacidade, para incentivar a produção de live streams.

O headgear também é altamente potente, mas os controles também vêm equipados com um microfone para facilitar a comunicação mesmo com fones simples.

Falando nos controles, o tradicional DualShock, que acompanha o console desde sua primeira edição deu lugar ao DualSense, que também agradou muito a comunidade.

O ângulho dos gatilhos (R2/L2) foi rebaixado, para dar ainda mais conforto depois do sucesso do controle anterior e o principal implemento foi o chamado Feedback Háptico. Ele diz respeito à imersividade de acordo com o modelo do jogo. Por exemplo, ao jogar um game de corrida, o controle fica mais “pesado”, para simular a experiência volante.

Já em um jogo de tiro, o gatilho fica mais responsivo e sensível graças aos gatilhos táteis implementados, que incrementam mais a sensibilidade de sua experiência.

Ainda sobre controles, o arsenal do Playstation 5 também traz um controle de navegação, para assistir vídeos de BluRay em UHD 4K.

E este é outro ponto muito debatido: o PS5 virá em dois modelos diferente: com e sem input para mídia física, o que irá baratear um pouco o console. Ah! E claro, falando nisso…

Mas afinal, e o preço do PlayStation 5?

Deixamos esse ponto para o final, por ser o mais polêmico e, dado o estado do dólar atualmente, também antecipado pelos brasileiros.

Antes precisamos recuperar na história os preços dos consoles antecessores.

O PlayStation 3 foi lançado à U$ 599,00 em 2006. Já o PlayStation 4 saiu pela bagatela de U$ 399,00 em 2013.

Em uma análise, o custo médio do PlayStation 4, na verdade, causou prejuízo à Sony, se colocarmos na ponta do lápis o custo do hardware, montagem e afins. Mas isso era compensado pela fidelização, a compra de títulos, enfim, o console acabou fazendo muito sucesso e dando boas receitas no final de tudo.

Não há ainda um preço estimado para o PlayStation 5, mas a especulação gira em torno dos U$ 500,00, o que, com a cotação do Dólar acima de R$ 5,00, já sairia bastante salgado para nós. 

Se adicionarmos a incidência de impostos, que não são poucos, e ainda a taxa de lucro da empresa, que na época do PS4 era de uma média de 3,35x, bem… as notícias não são muito animadoras.

Somando à tudo isso o fator da pandêmia e o polo de produção dos consoles ser na China, problemas de escala e distribuição também podem ser adicionados na conta. 

Mas tudo isso é uma questão meramente especulativa, não há um preço definido pela empresa e, como dissemos, a versão sem mídia física pode dar uma amenizada no preço final, mas os cenários especulativos ainda giram em torno de R$ 9.000,00 até R$ 10.850,00 para a versão completa.

Mas existe outro fator: depois do lançamento, os consoles costumam ter uma queda acentuada no valor, com a taxa média de lucro sobre cada unidade caindo até perto da metade.

Pode ser que a Sony, considerando todo o cenário e dobrando a aposta sobre a demanda (que para a sorte deles, explodiu e fez crescer em muito a escala de produção), corte da própria carne com convicção para agradar a comunidade, aumentar as vendas e reafirmar seu branding. Então podemos falar de valores, com a média atual da cotação, de até R$ 6.700,00, segundo discussões amplas acontecendo na rede e entre especialistas.

E você, qual sua projeção para o preço do PlayStation 5, suas impressões e expectativas de como ele irá impactar o mundo gamer?

O blog da iByte está sempre ligado no conteúdo gamer, e traz notícias e dicas semanalmente para você você não perder nenhuma novidade, assine nossa newsletter para receber tudo em primeira mão.

Veja os cuidados básicos que você deve ter com seu fone de ouvido

 Todo mundo carrega um fone de ouvido na bolsa, na mochila, no bolso, não importa. O artigo virou um grande companheiro do nosso dia a dia e convenhamos: poucas coisas irritam tanto quanto perceber que o fone pifou de um dos lados ou está com mal contato.
Felizmente, com alguns cuidados básicos é possível preservá-lo por muito mais tempo. Quer saber como? Continue a leitura para conferir!

Algumas dicas importantes para cada tipo de fone de ouvido

Os fones intra-auriculares tomaram o espaço dos modelos mais antigos! Mas como são posicionados para dentro da cavidade do ouvido, é importante para sua saúde adquirir um de boa qualidade, tanto na estrutura física quanto na potência.

Lembre-se que seus ouvidos são sensíveis e fones com pouca compressão podem prejudicar sua audição. Troque e limpe com regularidade as borrachas, está bem?

Os headsets costumam ser mais usados em casa, no pc ou em produções. Um dos principais problemas que ocorrem com eles são falhas no cabo conectado ao fone. Você pode ajudar evitar esse problema fazendo menos pressão sobre o fone, que não é tão flexível quanto os portáteis, usando um estojo ou carregando-o no pescoço. Muitos deles podem ser dobrados, isso impede que seja feita muita pressão no cabo.

Outras dicas importantes…

– Evite simplesmente embolar os fios ao guardar seu fone. Ao enrolar, use a mão como base e envolva o fio sobre os dedos, assim você não o entorta e também não tem problemas ao desembolar o cabo quando for usá-lo.

– Dê preferência para fones com cabos emborrachados, além de serem mais fáceis de desembaraçar, costumam receber um reforço na ponta, parte que mais apresenta problemas.

– Se puder, carregue seus fones em um estojo. Existem diversas opções no mercado, preparadas justamente para que você possa enrolar o fio sem fazer muita pressão. Se quiser, também dá para usar uma caixinha antiga de óculos ou qualquer case que evite a pressão dos outros itens que estiverem na mochila ou bolsa.

– Evite ouvir música muito alto. Por mais que os fones intra-auriculares isolem bem o ruído, se as pessoas ao redor conseguem escutar o som do seu fone, é um sinal de que você ultrapassou os 85 decibéis.

Essa potência já é capaz de causar danos se usada por muito tempo. Vá abaixando progressivamente o volume para se acostumar, o ideal é escutar na faixa dos 60 dbs. Para te ajudar, alguns aparelhos têm um modo que restringe volumes muito altos e danosos.

– Não desconecte o fone puxando diretamente pelo fio. A conexão entre o fio e o cabo é o que normalmente apresenta mais problemas. Os conectores geralmente possuem uma parte mais rígida para manuseá-lo, utilize sempre ela.

– Você pode reforçar o fio do seu fone usando uma mola de caneta clicável. Basta enrolá-la sobre o fio e ele não irá mais flexionar até um ponto em que possa ser danificado. Vale a pena fazer isso principalmente entre o fim do fio e o cabo conector.

– Além da redução de ruídos exteriores, invista em um fone de qualidade que também possua redução da tensão do som. Os ouvidos são estressados pela pressão excessiva dos fones. Dê prioridade para modelos que tenham pequenos orifícios que permitam o alívio da tensão acumulada pelo volume.

– Não durma de fones. Assim como todo o resto do seu corpo, os ouvidos precisam de descanso e, expondo-os à tensão sonora por muito tempo, você só afetará sua saúde sem aproveitar o som enquanto dorme.

– Fique atento a dores, incômodos e muita sensibilidade. Os fones intra-auriculares são ótimas opções portáteis, mas se estão afetando sua saúde opte pelas versões supra auriculares ou headsets.

Para ter um aparelho durável, além dos cuidados, é importante escolher um modelo de qualidade. Dessa forma, você ainda cuida da sua saúde auditiva, já que as marcas mais populares apresentam especificações e regulamentação em sua produção.

Em nosso site você encontra fones de ouvido de diversos modelos, para ouvir música em qualquer lugar, produzir com qualidade profissional, ter definição em seus games e recursos para trabalhar com atendimento e transmissões.

Para receber mais artigos sobre reviews, lançamentos e tutoriais do mundo da informática, assine nossa newsletter!

Principais vantagens de um SSD comparado ao HD Convencional

Os SSDs estão promovendo uma grande mudança para todos os usuários de Notebooks e PC, oferecendo uma nova alternativa aos antigos HDs convencionais, com um tempo de resposta muito superior e mais dinâmica no armazenamento.

Conheça as principais vantagens do SSD!

Os componentes de armazenamento, do HD SATA ao SSD

O HD é um dos componentes centrais de qualquer eletrônico virtual. É nele que todo o conteúdo é armazenado. Quando a famosa IBM produziu seu primeiro RAMAC, pesando uma tonelada e precisando de dois refrigeradores para operar, não imaginou que, em tão pouco tempo, essa tecnologia seria o pontapé inicial para uma nova geração de computadores domésticos que dominariam o mundo.

Para você entender melhor, na medida em que mais velocidade foi sendo necessária, nasceram as RAMs, que são componentes capazes de manter selecionados, temporariamente, os arquivos para as operações abertas, como um HD secundário que reseta sua memória.

Com a separação dessas duas funções de armazenamento, foi possível aumentar o foco na performance de cada um separadamente.

Logo, muitas marcas surgiram no mercado oferecendo opções compactas: os HDs SATA, compostos por um disco móvel de armazenamento, com uma taxa expressiva de transferência e consumo de energia reduzido! E, assim, atualizações gerais de tecnologias e capacidade de armazenamento têm sido o padrão mais popular entre a maioria dos usuários.

Com o tempo, a ideia de discos de armazenamento se tornou pouco cômoda, por ser sensível à choques, causar um volume considerável de poluição e ir perdendo sua efetividade. Basta pensarmos em outras tecnologias de armazenamento por disco, como os próprios CDs e DVDs.

Como todas essas mudanças no mundo da tecnologia começam devagar, as primeiras modificações nas tecnologias de armazenamento vieram dos dispositivos móveis. O armazenamento Flash, embutido em pen drives, começou a aposentar o CD e o disquete, por demandar muito menos trabalho e poder ser formatado a qualquer momento, fazendo de uma única unidade de pen drive um artigo de utilidade para a vida toda.

Essa tecnologia apresenta um dispositivo sólido, muito menos sensível, que não requer energia para funcionar, como o caso dos HDs. E é uma opção ideal, ainda hoje, para o armazenamento de dados portáteis, além de outras tecnologias como as nuvens de informação, que não deixam de depender de uma matriz física.

Dos pequenos espaços de armazenamento, as unidades Flash têm aumentado em presença e volume e disponibilizam uma opção prática para o armazenamento de câmeras, celulares e, mais atualmente, computadores.

Os diferenciais do SSD

Não é difícil falar sobre os benefícios do sistema de armazenamento Flash. A começar pelo seu exterior. Os SSDs são peças sólidas, diferentes dos HDs SATA que possuem um disco que requer leitura. Para que essa leitura aconteça, suas peças móveis precisam de alimentação via energia e até que um dado seja acessado dentro do disco, há um delay que pode ser considerável.

Já que as peças do HD SATA são móveis, é de se imaginar que quanto mais operações físicas sejam feitas, mais o componente esquente e mais ruído seja produzido. Além disso, quanto maior o número de componentes, maior a chance de apresentar defeito, comprometendo todo o conjunto.

O SSD tem uma exigência de consumo de energia e refrigeração irrelevante, permitindo que sua máquina libere performance para outros componentes de altíssima demanda, como placas de vídeo.

Isso porque falamos apenas dos computadores domésticos, agora imagine a diferença que esse sistema fará entre os servidores, que possuem altíssima demanda.

Os SSDs estão recebendo, aos poucos, a tecnologia Multi Level Cell, em que uma célula pode armazenar dois bits, a tecnologia ainda está no início, mas se mostra promissora.

Com a taxa de latência reduzida consideravelmente, há mais segurança física, menos superaquecimento e um consumo mínimo de energia.

Então, vale a pena comprar um SSD?

Os SSDs não são uma realidade distante. Na verdade, muitos usuários já aderiram a ela e parecem bastante satisfeitos. É importante lembrar que, por se tratar de uma tecnologia recente, o mercado ainda está se adaptando, com marcas como Kingston, Sandisk e WD.

Isso faz com que os SSDs ainda tenham um preço menos acessível em relação aos HDs SATA atuais, que podem armazenar no nível de TeraBytes, enquanto os SSDs progridem aos poucos, com artigos médios de 255 até 640GBs, mas que também chegam aos terabytes de armazenamento.

Essa diferença de preço e espaço não pode ser negada em relação aos dois, mais eis a questão: é possível usar ambos os tipos de mídias de armazenamento e ter um ótimo resultado.

O mais interessante dos SSDs é a baixa latência de acesso aos dados, que aumenta muito o tempo de resposta do sistema operacional ao ser ligado ou ter qualquer arquivo acessado, algo especialmente relevante para games e editores de mídia.

A melhor forma de ganhar em desempenho sem gastar muito, nem aposentar seu SATA, é manter em seu SSD o sistema operacional e aqueles programas de maior demanda e, no HD SATA, os demais arquivos, como fotos, vídeos, músicas e outros aplicativos e projetos.

No contexto atual da vinda dos games de nona geração, é indispensável ter um SSD em seu setup, e muitos já possuem um preço acessível.

Não é difícil observar como muitos computadores montados de fábrica estão chegando no mercado com esses novos parâmetros, um sinal de que a tecnologia está sendo bem absorvida pelo mercado especializado.

Você pode ter uma ótima performance usando seu SSD para os itens de maior demanda e manter seu velho SATA como armazenamento secundário.

Se você está pensando em melhorar sua gear de PC ou montar algo novo, o SSD é um artigo indispensável para ficar atualizado. Na iByte você encontra uma série de SSDs das marcas mais populares com preços bastante acessíveis.

Se você curte artigos sobre tecnologia e quer receber mais novidades direto em sua caixa de mensagens, assine nossa newsletter e fique sempre informado!

Ainda não conhece a Goldentech?         

Com mais de uma década de experiência, produzindo uma série de artigos de informática, a Goldentech se apresenta como uma indústria completa no ramo, totalmente brasileira e comprometida com a distribuição acessível de seus itens para todas as regiões do país.

Conheça um pouco mais de perto o portfólio da Goldentech!

Dona de uma grande variedade de artigos e acessórios de informática, a Goldentech possui diversas categorias:

Artigos Gamer

Sempre voltada ao público gamer, o mais exigente do mercado de informática, a Goldentech produz os principais itens para todo gamer que busca um diferencial em sua performance, e o melhor, com os preços mais acessíveis e a melhor qualidade do mercado. São mouses gamer, com designs especiais para promover o grip adequado e teclas de bid em seus mouses, teclados mecânicos, iluminados e altamente responsivos, cadeiras gamer ergonômicas, joysticks, pads e fones e ouvido gamer com som digital e voiceover para evitar interferências na comunicação.

Comodidade para seu notebook

Considerando a necessidade que os notebooks representam no mundo universitário, do trabalho e do entretenimento privado, a Goldentech é especialista em criar produtos para facilitar a vida de quem depende de seu laptop a todo o momento no dia a dia.

Há vários modelos de cases para carregar o notebook com segurança, mochilas com design antifurto, bolsas com espaço ideal para acondicionar o laptop e demais artigos, mouses, teclados sem fio, para trabalhar com muito mais conforto, suportes para notebook com cooler, para preservar a vida útil do aparelho e evitar superaquecimento, carregadores universais, projetores e apresentadores de projetor, enfim.

Para seu smartphone e tablet

Hoje em dia é essencial estar sempre com o smart e tablet em mãos. Para aumentar a qualidade de vida dos usuários, a Goldentech disponibiliza carregadores para carro, carregadores portáteis, de parede, com entradas extras para todos os sistemas operacionais e carregadores dock sem fio, cabos Lightning e Android reforçados e em diversas extensões, películas temperadas e headsets sem fio para celular.

Conectividade e automação

Nenhum perfil de usuário fica de fora, e a Goldentech vai muito além, produzindo cabos e adaptadores para televisores HDMI, placas VGA para conectar o celular no carro. Oferece também suportes para os mais modernos formatos de TV e, na linha de automação, tem seu próprio leitor de códigos de barras para ambientes comerciais!

Áudio

A música não pode parar. Nos catálogos da marca você encontrará uma variedade imensa de artigos sonoros para todos os perfis de uso: caixas amplificadas de até 150W portáteis, de ampla compatibilidade com USB, SD e Bluetooth, diversas funções de DJ para modular o som do seu jeito e também as saídas clássicas de 2 e 10 polegadas para aumentar o som de outros aparelhos.

As opções de fones também são imensas: fones auriculares, com ou sem fio e teclas master de som e chamada, headphones com isolamento acústico e qualidade stereo, extremamente confortáveis e de hastes dobráveis, headsets para celular para usar durante a corrida.

E por falar em itens portáteis e de sucesso, a Goldentech tem uma grande linha de caixas de som bluetooth, para usar em todas as situações do dia a dia, com modelos boombox, cúbicos, palito e em camurça, com alta potência e qualidade, durabilidade e designs para diferentes gostos.

Para assistir seus filmes ou shows com qualidade surround e se conectar via Bluetooth com os outros devices da marca, as soundbars SBG atingem até 180W de potência para proporcionar uma experiência imersiva e poderosa.

Desktop

Além de toda a linha de acessórios gamer, seu desktop caseiro ganha acessórios e componentes para turbinar ainda mais seu trabalho e lazer. A Goldentech produz suas próprias placas-mães, com saída HDMI e entrada DDR 3 e 4, fontes potentes, de até 350W com padrão ATX e conexão PCI-Express, coolers para resfriar sua máquina e gabinetes sólidos nas versões clássicas e gamer para você customizar totalmente sua experiência!

Trabalhe usando nossos mouses ópticos e teclados multimídia, desenvolvidos com qualidade ergonômica, caixas de som portáteis com alimentação USB e mousepads confortáveis.

Conclusão

Dentro de cada categoria de produto apresentada, existe uma série de modelos para as diversas demandas de usuários, cada umdeles possui um design especial, com detalhes e artifícios práticos que fazem toda a diferença. Certamente você irá encontrar aquilo que precisa, com as funções ideais e as melhores condições do mercado. São produtos duráveis e desenvolvidos com muita atenção às necessidades de seus consumidores.

Com esse catálogo extensos, a iByte tem orgulho de ser a revendedora oficial dos produtos Goldentech, acreditando em sua tecnologia e potencial, oferece ótimas condições para que todos possam adquiri-los. Confira nossa categoria especial Goldentech e fique sempre ligado em nosso blog, assine nossa newsletter para receber mais conteúdos especiais e as melhores promoções!

Como Escolher uma Boa Placa de Vídeo para seu PC

A escolha da placa de vídeo é sempre um assunto sério para aqueles que buscam ter a melhor performance nos games ou para trabalhar com editores de vídeo e projetos gráficos. Afinal, é insuportável precisar esperar a renderização de um projeto ou ficar sofrendo lags no meio de uma partida.

O que considerar ao escolher minha placa de vídeo?

As placas de vídeo possuem alguns parâmetros que devem ser levados a sério, é claro que os números que mais saltam aos olhos certamente são os melhores, mas isso também influencia diretamente no preço. As placas mais atuais são também as mais robustas, porém, isso não significa que usar uma linha mais antiga será desastroso.

Devemos ir por partes e levar em conta as especificações principais. A unidade de processamento gráfico (GPU) costuma ser o primeiro item. O clock da GPU é medido em MegaHertz (MHz), que indica a velocidade de comunicação da placa.

Outro item que tem muito peso para o consumidor é a quantidade de memória. Ela funciona da mesma forma que a RAM, é uma memória de armazenamento temporário que guarda todas as informações gráficas para aumentar sua performance.

Muitas memórias de placas de vídeo operam com GDDR ao invés de DDR, e isso faz bastante diferença. É como as SATAs e SSDs no caso dos HDs, ainda que um seja menos robusto em números, seu hardware é mais atual e rápido. Não se esqueça disso se ficar assustado ao perceber que uma placa atual com tanto processamento de GPU pode ter poucos GBs de processamento RAM.

Saber interpretar os dados é capaz de te salvar um bom dinheiro e satisfazer suas necessidades, não fique desanimado se não puder comprar o último lançamento, com um design robusto. As principais marcas do mercado estão atentas para todos os públicos consumidores.

Dê atenção a capacidade de processamento, memória, overclocking e, acima de tudo tenha consciência de que mais fatores são importantes para a qualidade total de sua máquina: a quantidade de RAM e o processador. Além disso, certifique-se de que sua placa mãe é compatível para evitar dores de cabeça e reembolsos. Na PC Specs você pode verificar todos os dados relevantes para sua pesquisa.

Algumas placas de vídeo para pc que merecem sua atenção

GeForce GTX 1060

As séries da GeForce dispensam apresentação. Essa aqui, por exemplo, possui 192 bits de banda, 3 GBs de memória gráfica, 1554 MHz de GPU e capacidade de expansão para até 4 monitores. Capaz de rodar todos os games de oitava geração, preparada para os de nona e VR. É uma placa para gamers dedicados, com um sistema nativo de ventoinhas.

GeForce Galax GT 1030

Versão sólida e igualmente de grande qualidade, com 64 bits de banda gráfica, 2 GBs de memória e 1151 MHz, é ideal para dar um boost em qualquer PC e prepará-lo para a nova geração com qualidade tradicional GeForce.

GeForce GT 710

Outra linha sólida e acessível, que se adequa tanto à oitava geração, como para trabalhar com a melhor qualidade possível. Suas características são muito parecidas com os títulos mais antigos da linha 1030.

E as placas de vídeo para notebook?

Esse é um assunto que gera muitas buscas. É preciso, então, levar alguns fatores em conta: os notebooks são aparelhos extremamente compactos, uma placa de vídeo simples para PC já é mais espessa que um notebook moderno. Sua estrutura é produzida pensando na mobilidade, isso não muda a capacidade que esses aparelhos têm em relação à games, mas fica tudo mais delicado nesse ponto. As placas de vídeo são nativas por motivos de compatibilidade e estrutura.

Você pode ter um ótimo desempenho jogando e trabalhando com seu notebook, a nossa série de Notebooks gamer não deixa dúvidas sobre essa constatação, porém, produzir placas individuais para substituição em notebooks, seria um trabalho com custos operacionais desinteressantes para as empresas. É melhor escolher um bom notebook gamer do que comprar peças usadas e correr riscos de compatibilidade e danos ao aparelho.

Cada dia mais o mercado de placas de vídeo fica acessível, os games estão se desenvolvendo em um ritmo entusiasmante para o mercado, que quer atingir todos os perfis de consumidores.

A iByte tem um carinho especial pela comunidade gamer e, por isso, possui uma série de placas de vídeo variadas para todos os gostos, demandas e perfis. Confira nossas categorias e, para continuar lendo artigos relacionados, assine nossa newsletter e receba tudo em primeira mão!

por que instalar o kaspersky

Por que instalar o Kaspersky no meu PC?

Instalar o Kaspersky no seu PC é uma opção altamente recomendável considerando o atual panorama da internet: o número de páginas e conteúdos se multiplica em uma velocidade incalculável e muitas dessas páginas podem conter ameaças não apenas para a qualidade do seu computador, mas para a integridade das suas contas, finanças, arquivos e dados pessoais.

As atividades digitais maliciosas se sofisticaram, hoje elas não só danificam a unidade do seu sistema operacional e roubam seus dados pessoais, como também são capazes de usar seu aparelho e sua identidade para replicar conteúdos que infectarão outros usuários, rodar processos em segundo plano e armazenar conteúdos ilegais.

É muito raro um usuário que já não tenha sido vitimado por esses tipos de sites e programas fraudulentos. Muitos se passam por outros endereços ou oferecem vantagens irreais, como pirataria, esquemas de dinheiro fácil, notícias caça-clique, anúncios de encontro e vários outros artifícios para enganar até os mais experientes. Perfis invadidos são usados para replicar conteúdo malicioso e muitos acabam sendo infectados sem sequer saber.

A Kaspersky Lab é uma das empresas mais bem estabelecidas, é líder de vendas e premiada com o selo de Escolha do Editor pelas principais revistas do ramo da informática.

Ao instalar o Kaspersky, você perceberá a série de ferramentas que podem ser acionadas por demanda, como escaneamento de objetos, de vulnerabilidade, controle de pais, dentre outras. Grande parte do trabalho desse antivírus acontece de forma remota, e o melhor: com um consumo mínimo de processamento!

com antivirus versus sem antivirus

O controle de navegação contra propagandas caça-cliques maliciosas evita tentativas de scam e phising, que fingem oferecer serviços ou facilidades, e grupos que podem cometer estelionato, conseguindo seus dados voluntariamente (phising), ou aplicar outros tipos de golpes (scam).

O Kaspersky também é capaz de prover uma rede de firewall, para barrar e organizar acessos ao seu computador, além de promover uma proteção ilimitada contra qualquer padrão incomum de arquivos e páginas, avisando e vetando até segunda ordem as potenciais ameaças.

Para oferecer tais serviços, além de contar com um grupo e táticas renomadas de inteligência e soluções digitais, a empresa trabalha com uma grande data-base. Quanto mais usuários com Kaspersky, mais inteligentes e responsivas são suas constantes atualizações, de forma que as experiências coletivas dos usuários ajudam a entender padrões, criar uma lista negra de sites maliciosos, compreender e prevenir comportamentos de páginas e arquivos capazes de causar algum tipo de dano.

Quanto maior a experiência coletiva, mais confiável se torna a inteligência do serviço. E tudo isso mantendo sua privacidade.

Afinal, como instalar o Kaspersky no meu PC?

Através do site ou associados oficiais, faça o download do arquivo executável, dê as permissões administrativas para que o programa ganhe acesso a seu sistema, leia os termos de uso e selecione o diretório de instalação.

Geralmente a instalação é rápida, mas, dependendo das configurações do aparelho, pode levar alguns minutos. Não se preocupe, isso é comum. Após a instalação, reinicie o computador e o Kaspersky inicializará automaticamente junto ao sistema operacional.

Antes de começar a instalar o Kaspersky, é importante escolher qual será sua versão.

Kaspersky versão gratuita

Em 2015, a Kaspersky Lab impactou o meio especializado ao lançar uma versão gratuita do seu produto carro-chefe.

A versão gratuita do Kaspersky contém toda a base tecnológica do motor defensivo básico: segurança de arquivos e de navegação na web, promovendo as duas frentes defensivas fundamentais para qualquer aparelho. E não tem pegadinha: o programa é livre para a vida toda e entrega o que promete: segurança elementar, leve e descomplicada.

Kaspersky versão Premium

A versão Premium, além dos princípios defensivos da versão gratuita, possui uma série de funções a mais, começando pelas 3 modalidades diferentes: Essencial, Internet Security e Total Security.

Na primeira, você recebe funções extras, como a possibilidade de programar as atividades do antivírus, controlar, proteger ou barrar os acessos ao computador por meio de VPNs, solicitações remotas à câmera e microfone, por exemplo, oferecer um scan inteligente e uma performance superior. Mesmo com mais funções ativas, continua quase imperceptível no consumo de memória.

A versão Internet Security, como o nome sugere, além de ter o motor do Essencial, dispõe de um espectro amplo de defesa online, como checks pela confiabilidade dos sites, lista negra de scams e phising, bloqueio de propagandas, proteção extra ao digitar dados online e opção para bloquear sites em casa ou na empresa.

A versão Total agrega mais opções de segurança, travamento de arquivos e acessos ao pacote. E mais, ela é capaz de integrar outros aparelhos, como smartphone e tablete em um único usuário.

Você pode comprar uma cópia unitária ou uma assinatura para mais aparelhos, o que é bem mais prático e econômico se tratando de empresas. Se preferir, é possível baixar uma versão de testes do Kaspersky e comprovar na prática a qualidade e versatilidade que o tornou tão famoso.

Manter seu PC seguro é uma necessidade vital nos dias de hoje, em que tudo está projetado online. Privacidade e segurança não possuem preço em um espaço onde passamos tanto tempo, estando expostos a diversos riscos.  Instalar o Kaspersky será uma experiência única para seu uso e navegação, sem precisar temer hackers e malwares!

Confira mais conteúdos como esse acessando o blog da Ibyte. Aqui você fica por dentro de informações e dicas super interessantes!