Android TV Philips

Smarts TV Phillips, agora com Android TV

Android TV Philips com Amberlight

Android TV Philips com Amberlight

A TV mudou. Muitos hoje já nem ligam mais para o guia de programação, são pessoas que querem ver seus programas na hora que desejam, e não na hora em que uma emissora qualquer, a Cabo ou aberta, deseja passar. O sucesso da Netflix está aí para provar isto.

Uma das melhores formas para fazer tal coisa é ter uma TV capaz de rodar aplicativos de conteúdo ‘sob demanda’. Como a Android TV tem algumas normas rígidas quanto à personalização do sistema, seu mantenedor (Google) não quer ver nesta mídia o mesmo tipo de modificação que deu má fama ao sistema operacional em suas primeiras versões para smartphones, algumas marcas têm insistido em operar com sistemas operacionais próprios, coisa que é ‘bonitinha’, mas a médio prazo, para o usuário, pode se provar irritante devido a muito mais que provável demora, ou até mesmo falta, de aplicativos para novos serviços.

Android TV Philips

Mas como usar um sistema operacional aberto, e consequentemente acesso à biblioteca de aplicativos da Play Store, e mesmo assim ter um diferencial que atraia a atenção do usuário para sua marca?

Bem, a Philips , que recentemente apresentou quatro Smart (Android) TVs 4K, com tamanhos variando entre 49 e 55 polegadas, agora no mês de julho, e está apostado na curadoria de conteúdo através do ‘Família Philips ’, que deverá não apenas indicar aplicativos, mas, principalmente conteúdo que pode ser encontrado dentro daqueles aplicativos.

Android TV Philips

Se por um lado a falta de aplicativos é algo irritante, o excesso leva o usuário ao ‘paradoxo da escolha’, uma situação em que há tantas opções disponíveis, tanto ‘ruído’, que fica difícil reconhecer o que é bom, bem como o indivíduo termina se perdendo na hora de escolher algo (bem parecido com quem vai no restaurante, faz seu pedido e fica desejando o do vizinho). Ao exercer curadoria, e apontar ao usuário o que e porque determinados itens possam interessa-lo, a Philips pode ter encontrado o caminho das pedras.

As novas smart TVs da Philips , duas da linha 6700 (49” e 55”) e duas da linha 7100 (49” e 55”), todas em resolução 4K/UltraHD (elas têm quatro vezes a resolução de uma Full HD), devem chegar ao mercado na segunda quinzena de Setembro, todas as TV tem o sistema Amberlight, que ilumina a parede em que a TV estiver presa, dando uma sensação maior de imersão, e as TVs da linha 7100 são 3D e vêm com 6 óculos acompanhando. Além disso os controles remotos possuem microfone para o uso de comando de voz, e no verso, um teclado físico, para facilitar buscas.

Controle remoto da Android TV Philips, com teclado no verso

3 Responses

Leave a Comment