O que anda acontecendo no mundo tecnológico #2

Finalmente, os tênis que se amarram sozinhos!

Uma das coisas que mais deixou louca de amores a geração que era adolescente no tempo que De Volta Para o Futuro II foi lançado, não foi nem tanto o skate voador, mas sim, o tênis da Nike que tinha a incrível capacidade de auto-amarrar!

Bem ou mal, o skate voador chegou ao ‘mundo real’ ainda ano passado, no aniversário de 25 anos do filme, até a Lexus, marca de carros de luxo da Toyota, apresentou um. Bem, agora a Nike anunciou Nike Hyperadapt 1.0, o tênis auto-amarrável! Sim, graças às novas tecnologias de armazenagem de energia, e servo-motores mais eficientes, o tênis que se amarra foi anunciado.

Por enquanto ainda é um conceito, mas no final de ano deverá ser posto a venda, o preço será provavelmente será astronômico, até lá, fique com o vídeo!

Depois da Apple, o FBI vai atrás do Whats App

Lembram que eu falamos aqui que a Apple estava enfrentando o FBI, a fim de não inserir um backdoor no iOS, que no final das contas tornaria todo o sistema operacional inseguro? Bem, o FBI também foi atrás do Facebook, querendo o mesmo do WhatsApp.

Vale a lembrança que, recentemente, no Brasil, o vice presidente do Facebook foi preso por desobedecer um mandado para fornecer alguns diálogos, segundo ele, era impossível. Vamos acompanhar a história!

Ah, um desdobramento da questão da Apple, foi que ela informou que irá usar um tipo de encriptação no iCloud, que ela não poderá quebrar mesmo que queira. Pontos para a empresa.

GO: DeepMind, a inteligência artificial do Google, ganha de humano

Xadrez e Go representam a filosofia da guerra. Xadrez representa o ocidente e sua política de guerra de confronto frontal, com o objetivo de matar o oponente, ou dar ‘xeque-mate no Rei’. Go é um jogo infinitamente mais complexo, e o seu objetivo não é destruir o inimigo, mas sim, conquistar o máximo possível de território.

Ao contrário do Xadrez, em que as peças vão escasseando, em Go elas vão sendo adicionadas rodada a rodada, com a finalidade de cercar, e dominar o adversário. Pode parecer simples, mas a diversidade de jogadas é muito maior, e a estratégia muito mais complexa.

Pois bem, a DeepMind venceu Lee Se-dol, o melhor jogador do mundo, numa melhor de cinco partidas. Mas não se desespere, Se-dol conseguiu vencer uma das partidas, perdeu só de 4×1.

A China quer uma DARPA para chamar de sua

Talvez você nunca tenha ouvido falar da DARPA (Defense Advanced Research Projects Agency, Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa), ela foi criada no final da década de 1950 para financiar o desenvolvimento de tecnologias, tendo por finalidade o avanço da tecnológico em si, sem a busca pelo lucro (isto vinha em segundo plano). Entre várias coisas, a invenção da ARPANET que talvez mais tenha impactado o mundo, sim, ela é foi a gênese do que viria a ser a Internet que você está usando para ler este texto.

Agora o gigante asiático quer deixar de ser a grande unidade fabril do mundo, e pular da pura manufatura, e cópia, para invenção, criando sua própria versão da DARPA. A organização, ainda não nomeada, foi iniciativa do presidente chinês Xi Jinping, que também ocupa o cargo de Secretário Geral do Partido Comunista e Chefe da Comissão Militar Central, ou seja, ele MANDA no país.

Um dos motivos do sucesso da DARPA, foi trabalhar lado a lado com a iniciativa privada, financiando e colhendo os frutos de um trabalho altamente descentralizado, a China ainda é um regime muito fechado, e não se sabe como a ideia será implementada, mas saiba de algo, não existe povo mais obstinado neste mundo.