Como um Integrador de Energia Solar pode atrair mais clientes?

Quando pensamos em prospectar novos clientes para empresas de energia solar, imaginamos reuniões e apresentações de orçamento. Certo? Esse pensamento não está errado, esses processos também são necessários e devem ser realizados com eficiência e qualidade.

Porém, existem outros métodos relevantes para potencializar o alcance da sua marca e prospectar clientes de uma forma muito mais otimizada. E é sobre ela que discutiremos hoje. O que fazer para que o cliente chegue até nós? Esse é o grande desafio para empresas desse ramo.

Assim como qualquer outro serviço ou produto, energia solar também precisa de um trabalho de marketing profundo, aliado a uma intensa gestão comercial para levar a sua marca até as buscas do cliente. Mas como fazer isso?

A Ibyte preparou um conteúdo super instrutivo para te ajudar a desenvolver um plano de marketing e gestão para prospecção de novos clientes! Reunimos aqui dicas de estratégias que muitas empresas de energia solar estão adotando no intuito de impulsionar suas vendas. Para ficar por dentro das dicas basta continuar a leitura.

8 Dicas de gestão comercial e marketing para empresas de energia solar

Tendo definido que os aspectos que julgamos mais relevantes para um bom planejamento de marketing – uma vez que não é possível ser uma empresa de destaque sem aderir a projetos de divulgação – reunimos 8 dicas de estratégias indispensáveis para que você alcance o público que deseja. Confira:

1. Esteja disponível e seja encontrável

Quando discutimos estratégias de marketing, falamos também da importância de investir em meios de deixar a sua empresa evidente. Contudo, para além do marketing propriamente dito, é preciso estar disponível e encontrável da maneira mais fácil possível.

Por isso, invista na identidade e na presença da marca em redes sociais, em um cadastro de endereço no Google, e deixe nas redes contatos para clientes que estiverem interessados em saber mais sobre o seu produto.

2. Faça pesquisas de mercado

Antes de estabelecer as ações que você deverá tomar em sua empresa de energia solar, é necessário configurar um bom plano de gestão. Contudo, não há como estruturar esse plano sem fazer pesquisas de mercado.

As pesquisas ajudam a definir quais atitudes o gestor deverá tomar, tendo por base as tendências que os usuários possuem, ao definir quais questões o plano de ação deverá contemplar.

3. Invista em treinamentos para o setor comercial

Um funcionário que atua na parte comercial precisa estar em constante atualização, uma vez que deve conhecer tudo sobre o produto que está vendendo, bem como aliar a venda, ações que o fazem ser vendido mais facilmente.

Por isso, é importante investir em atualizações dos funcionários! Proporcione momentos reais e instrutivos para que ele se aprofunde cada vez mais, e com isso esteja igualmente mais preparado.

4. Posicione sua marca e conquiste um diferencial competitivo

Você já ouviu falar em branding? Pois é, esse termo próprio do universo marqueteiro contempla conceitos muito importantes para possuir um diferencial competitivo em uma marca.

Para melhor compreensão, a palavra branding diz respeito a uma ferramenta usada para gerar aspectos e conceitos positivos sobre uma marca. Envolve uma série de elementos mais estruturais, como padrão de cores, linguagem em concordância com as características da empresa, ou seja, uma identidade visual completa.

No entanto, as empresas de energia solar têm definido, para além de aspectos estéticos, parâmetros culturais que integram a organização. Assim, o DNA – características que constituem algo ou alguém – precisa estar estampado no branding da empresa, que por sua vez irá passar mais claramente os valores e a essência da instituição.

5. Otimize seu site investindo em conteúdos relevantes

Atualmente, com tantas transações acontecendo online, possuir um site para uma marca que vende a realidade de energia solar em casa é um passo muito importante para se fazer disponível e ser encontrado pelos clientes. E nesse ponto, muitas vezes as organizações pecam investindo em layouts muito arrojados e modernos mas que o cliente não encontra nos mecanismos de busca.

Se o seu e-commerce sofre desse problema, esse é o momento de investir em estratégias de SEO (Search Engine Optimization), ou seja, otimização de motores de busca para alavancar o seu negócio. O SEO se encarrega de uma série de estratégias especializadas e baseadas nos aspectos de ranqueamento do Google para otimização de sites, blogs e páginas na web.

Essas estratégias, quando executadas por especialistas em SEO, levam a um ranqueamento entre os primeiros resultados de busca no Google. O que é extremamente relevante, tendo em vista que grande parte dos usuários na internet tende a confiar mais nos resultados orgânicos –aqueles que não são pagos, sabe?– que aparecem logo após os anúncios.

6. Construa um site responsivo de alta performance

Compreendendo o ranqueamento do Google como uma das melhores formas de chegar até os clientes, existem alguns pontos indispensáveis para se atentar durante o desenvolvimento de um e-commerce. Na hora de colocar o seu site no ar, é preciso conferir se ele atende aos seguintes pré-requisitos:

  • desempenho responsivo

Um site responsivo é aquele que se adapta e apresenta um bom desempenho mesmo sendo acessado em diferentes tipos de aparelho, e tamanhos de tela, a fim de otimizar a experiência do usuário. Isso é extremamente importante quando leva em consideração que a maioria da população nacional navega na internet através de aparelhos celulares.

  • agilidade de navegação

Vivemos na era da informação rápida, e por isso, os usuários não têm mais a mesma paciência para aguardar um longo carregamento de páginas. Por isso, é indispensável otimizar o site nesse sentido. Disponibilizando mídias que tenham um carregamento ágil sem perder a qualidade.

  • design intuitivo

A aparência estética de um site é muito importante. Mas além da aparência, é preciso pensar na usabilidade do mesmo. Portanto, garanta que a página da sua marca é atrativa, e ao mesmo tempo intuitiva para o uso –simples de usar–. Para que todos ou a grande maioria das pessoas consiga navegar sem dificuldades dentro do site.

7. Invista em estratégias de Inbound e Outbound

O Inbound e o Outbound são duas maneiras muito relevantes, e pautadas no marketing, para atrair clientes. O Inbound reúne estratégias por meio do site, contemplando conteúdos fortes em estratégias SEO (blog, conteúdo de categorias, FAQ, dentre outros), um branding bem pensado (conceitos estéticos e verbais que definem a identidade visual de uma marca) e investimento em redes sociais.

E do outro lado o Outbound agrupa estratégias fora do site. Se referindo a toda e qualquer estratégia que é feita fora da sua página na internet. Envolve ligações, mensagens de whatsapp ou qualquer meio de promoção direta com o cliente informando, por exemplo, os benefícios de .

8. Invista em anúncios pagos

Anúncios pagos são – inegavelmente – uma forma de te colocar em evidência nos resultados de buscas dos clientes, uma vez que, ao digitar o nome da sua empresa ou o serviço prestado, o usuário o encontrará imediatamente entre os primeiros resultados.

Lembre-se: é importante unir esforços de tráfego pago e tráfego orgânico! Ao procurar pelo serviço que você oferece, se sua empresa tiver um investimento real em SEO, o cliente irá ver o montante de conteúdos sobre o assunto que ele deseja, oportunizados pelo seu blog e site, e se sentirá muito mais confiante em efetivar a contratação.

Conseguiu compreender a importância de ter como aliado a sua marca boas ações em marketing digital e de conteúdo? Assim, fica mais fácil de conseguir que sua empresa de energia solar atraia mais clientes!

Gostou do nosso conteúdo? A Ibyte tem publicado diversos posts abordando pautas relevantes dentro do tema energia solar. Complemente a leitura conferindo nosso post que explica como apresentar um orçamento de energia solar para o cliente!

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Shopping Basket